MENU

23/07/2023 às 15h13min - Atualizada em 23/07/2023 às 15h13min

Prima de adolescente assassinada com pai desaparece horas antes do crime e é encontrada morta

g1

A prima de Thais Vitoria Pontes Xavier, assassinada junto com o pai dentro da casa onde moravam, desapareceu horas antes do duplo homicídio e, nesse sábado (22), foi encontrada morta em uma região de mata em Tapurah, a 414 km de Cuiabá. A vítima foi identificada como Bruna Eduarda Xavier, de 14 anos.

Segundo a Polícia Civil, o corpo estava enrolado em uma coberta e, a poucos metros do local, havia vestígios de sangue, além de uma corda, bitucas de cigarros e um par de chinelos, indicando que antes de ser morta a vítima estava amarrada.

Os policiais chegaram ao local por meio de uma denúncia anônima, que disse que a vítima estava enterrada em uma cova rasa próxima à nascente do córrego Barela, no Bairro São Cristóvão.

A vítima apresentava sinais de ferimento de faca no peito e no pescoço, de acordo com a polícia. Os familiares identificaram a menina por meio das tatuagens no corpo. A Polícia Civil investiga o caso.

Relembre o caso
Por volta de 4h da madrugada de quarta-feira (19), dois homens parcialmente encapuzados invadiram uma casa, que fica nos fundos de uma oficina mecânica, e renderam Roque e Thais enquanto dormiam. O local também tinha crianças e outros parentes das vítimas, que foram separados no momento do crime.

Roque teria sido levado de um dos quartos onde dormia até a sala, junto com a filha Thais, onde foram executados. Os dois estavam morando de favor na casa do ex-cunhado.

Segundo a polícia, ele saiu da prisão cerca de 90 dias por causa de um homicídio praticado há cinco anos na região. A morte dele e da filha teria sido a mando de uma facção criminosa.

A jovem foi atingida com disparos de arma de fogo e, pouco depois, esfaqueada no pescoço na frente do pai, que também foi executado a facadas logo em seguida, conforme a investigação.

A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) esteve no local e fez a perícia na área. A Polícia Civil investiga a motivação do crime.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://rascunhox.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp